Moralidade vai estar em alta neste ano

Ser honesto e estar cercado de pessoas honestas, será fundamental na eleição de 2020

Rolando Christian Coelho, 29/07/2020

Pesquisas qualitativas, realizadas por diversos institutos respeitados do país, têm indicado que o eleitor brasileiro vai levar muito em conta a questão da moralidade na hora de decidir o seu voto, no pleito municipal deste ano. Muito mais do que obras, ou promessas, nitidamente o que o eleitor está querendo é gente séria no comando das prefeituras, como também nas Câmaras de Vereadores. Mais que isto: gente séria que seja cercada de pessoas igualmente sérias.

O famoso “rouba, mas faz”, parece ter deixado de ser algo natural dentro da política. Mais ciente de sua cidadania, o eleitor finalmente está começando a perceber que o político nada mais é que um funcionário público, muito bem pago, com o dinheiro do contribuinte, para defender os interesses da coletividade. Quanto mais ilibado, e mais próximo de pessoas igualmente ilibadas, maiores serão as chances do candidato se eleger. Quanto menos ilibado, e quanto mais próximo de pessoas pouco ilibadas, menores serão as chances de eleição.

Interessante observar que as mesmas pesquisas têm indicado que, cada vez mais, as pessoas próximas do candidato têm influenciado o eleitor na hora de seu voto. É o chamado Efeito Dilma, uma alusão a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), que, embora fosse, em princípio, honesta, acabou sendo desalojada da Presidência da República por conta das más companhias.

Diante dos fatos, o conselho para os candidatos é bem simples: ande na linha e se cerque de pessoas que tenham o mesmo perfil. Quanto mais próximo desse modelo, maiores serão as chances de vitória.

Claudete Bianchi deve ser vice de Ricardo Ghellere

PRTB de Araranguá deverá disputar eleição majoritária com chapa pura, tendo Ricardo Ghellere como candidato a prefeito, e a ex-Primeira Dama do município, Claudete Bianchi, como candidata a vice. Em princípio, Claudete estava mapeada para disputar uma vaga na Câmara de Vereadores. A convite de Ricardo, e por consenso entre os demais partidos da coligação que cercam o PRTB, ela acabou aceitando concorrer na majoritária. Situação pode ficar embaraçosa, caso prefeito Mariano Mazzuno Neto (PP) dispute a reeleição. É que Claudete foi sua esposa.

Cinco mulheres devem disputar majoritária na região

Por enquanto, região conta com cinco pré-candidatas majoritárias para a eleição deste ano. Em Sombrio, a vice-prefeita Gislaine Cunha é a pré-candidata do MDB ao comando do executivo. Em Jacinto Machado, o Progressistas lançou a vereadora Terezinha Zanatta como sua pré-candidata à chefia do executivo municipal. Em Timbé do Sul, a vice-prefeita Tati Alexandre (PSDB) articula para continuar neste posto, em princípio, numa aliança com o Progressistas. Em Meleiro, Santina Izé (PDT), que em 2016 disputou a prefeitura pelo PSD, é cotada para compor como vice do prefeito Eder Matos (PSB), em seu projeto de reeleição. Em Araranguá, a ex-Primeira Dama Claudete Bianchi será candidata a vice de Ricardo Ghellere, em uma chapa pura do PRTB. Vale lembrar que o cenário político está totalmente aberto, e novos nomes devem surgir.

PP e MDB de Praia Grande podem disputar juntos

São fortes os rumes em Praia Grande dando conta de uma união entre Progressistas e MDB no município. Em princípio, Fanica Machado (PP) concorreria como candidato a prefeito, com o MDB indicando o vice. Partidos historicamente rivais em todo o Estado, aqui em nossa região duas dobradinhas entre as siglas já estão consolidadas: uma em São João do Sul, onde o prefeito Moacir Teixeira (MDB) disputará a reeleição com seu atual vice, Edinho Trajano (PP), e outra em Ermo, onde Paulo Della Vechia (MDB) concorrerá tendo Edson Bafinho como seu vice.

Número de vice à chefia do executivo é recorde

Lista de vice-prefeitos que serão candidatos a prefeito neste ano é recorde na região. Em Sombrio há a pré-candidatura de Gislaine Cunha pelo MDB. Em Turvo, Pisca Dagostin está também a disposição do MDB para suceder Tiago Zilli (MDB) no comando do executivo. Em Santa Rosa do Sul, o vice-prefeito Nelmo Emerim é um dos nomes do Progressistas para encabeçar a majoritária neste ano. Em Balneário Gaivota, Evânio Machado, o Machadinho (PSD), também será candidato a prefeito. Em Morro Grande, Eduir Marcelo, o Poca, é pré-candidato a prefeito pelo Progressistas. Em Ermo há um fato curioso: Donato Della Vechia (MDB), que é o atual vice-prefeito, não será candidato ao comando do executivo. No entanto, seu filho, Paulo Della Vechia (MDB), irá disputar a prefeitura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui